10 Surpreendentes fatos científicos que estão no alcorão sagrado

Photo by Lexi T on Unsplash


Você sabia que o Alcorão contém uma série de fatos científicos interessantes como a expansão do universo, o ferro vem do espaço, ventos fecundantes, menção de impressões digitais, um pulsar é uma estrela de nêutrons, detalhes sobre embriologia, astronomia, oceanografia como a existência de ondas sobre ondas superficiais , gênero de plantas etc. Esses fatos científicos não eram conhecidos pelo povo da época do Profeta, de fato vários deles só foram descobertos nos últimos 100 anos. Por isso pessoas apresentam o conhecimento científico avançado do Alcorão como prova da vida profética de Muhammad.


Há quem diz que toda alusão à ciência já era conhecida quando o Alcorão foi revelado. O que não ocorre a eles, no entanto, é como pode uma pessoa comum, analfabeta, dizer como Muhammad (que a paz esteja sobre ele) poderia ter um conhecimento tão extenso da história (judaica, cristã e árabe), agricultura, astronomia, biologia, embriologia, oceanografia, geologia (isostasia das montanhas), física quântica etc. Se o Alcorão não é um milagre, Muhammad deve ser o milagre. porque é humanamente impossível dominar e armazenar um conhecimento tão extenso do corpo humano, da natureza e do universo.


Aqui estão os 10 fatos científicos mais notáveis discutidos no Alcorão, um livro produzidos 14 séculos atrás



A criação do universo 
 A uma forte tendência no Ocidente de afirma que o Profeta Muhammad copiou os contornos gerais mencionados no Alcorão da Bíblia. Pois como na bíblia o Alcorão sagrado menciona a criação em 6 dias.

''Por certo, vosso Senhor é Allah, que Criou os céus e a terra, em seis dias;'' (Alcorão 7:54)


No entanto a narração do Alcorão é bem diferente da narração bíblica. Essa idéia contradiz os paralelos que muitas vezes são erroneamente traçados pelos autores ocidentais para enfatizar a semelhança entre os dois textos. Destacar apenas as semelhanças, embora silenciosamente ignore as óbvias dissimilaridades, é distorcer a realidade. Na versão árabe original os comentarista modernos enfatizam a tradução da palavra ayyaam (dias), como significado de 'longos períodos' ou 'idades' em vez de período de 24 horas. Um outro fator que diferencia a narração contida na Bíblia do Alcorão e que o Alcorão não estabelece uma sequência para a criação da terra e dos céus. Refere-se tanto aos céus antes da terra quanto à terra antes dos céus, quando fala da criação em geral, como neste versículo do capítulo Taa Haa:


 E revelação descida de Quem criou a terra e os altos céus. surata ta-ha 20:4


Também existem informações básicas sobre a existência de uma massa gasosa inicial (dukhaan), que são exclusivas do Alcorão. Assim como as descrições dos elementos que, embora inicialmente fossem fundidos (ratq), eles posteriormente se separaram (fatq). Essas idéias são expressas nos capítulos Fussilat e al-Anbiyaa:
 

''Então, abrangeu, em Seus desígnios, os céus quando estes ainda eram gases, e lhes disse, e também à terra: Juntai-vos, de bom ou de mau grado! Responderam: Juntamo-nos voluntariamente.''Alcorão 41:11 
'' Não vêem, acaso, os incrédulos, que os céus e a terra eram uma só massa, que desagregamos, e que criamos todos os seres vivos da água? Não crêem ainda?" Alcorão 21:30
Esta breve pesquisa de referências do Alcorão à criação nos mostra claramente como os dados e as declarações científicas modernas do Alcorão concordam consistentemente com um grande número de pontos. Em contraste, as sucessivas fases da criação mencionadas no texto bíblico são totalmente inaceitáveis. Por exemplo, em Gênesis 1: 9-19, a criação da Terra (no terceiro dia) é colocada antes da dos céus (no quarto dia). 
É um fato bem conhecido que nosso planeta veio de sua própria estrela, o sol. 

Em tais circunstâncias, como alguém poderia afirmar que Muhammad, o suposto autor do Alcorão, se inspirou na Bíblia. Tal afirmação significaria que, por sua própria vontade, ele corrigiu o texto bíblico para chegar ao conceito correto a respeito da formação do Universo. No entanto, o conceito correto foi alcançado pelos cientistas muitos séculos após sua morte. 
Palavra do Dr. Maurice Bucaille (Editado  por Dr. A. A. Bilal Philips)


A expansão do Universo
 
O capítulo "AZ ZÁRIAT" do Alcorão também parece aludir a uma das descobertas mais imponentes da ciência moderna, a expansão do Universo.
 
E o céu, edificamo-lo com vigor, e, por certo, somos Nós Que o estamos ampliado. 51:47

A expansão do universo foi sugerida pela teoria geral da relatividade e é apoiada pelos cálculos da astrofísica. O movimento regular da luz galáctica em direção à seção vermelha do espectro é explicado pelo distanciamento de uma galáxia da outra. Assim, o tamanho do universo parece estar aumentando progressivamente. 


Órbita  

As lei que governa o nosso sistema celeste e bem conhecida nos dias de hoje com toda a tecnologia, mas não era o caso a 14 séculos atrás. 
 
Allah diz no capítulo 21:33 do Alcorão

Ele foi Quem criou a noite e o dia, o sol e a lua; cada qual (dos corpos celestes) gravita em sua respectiva órbita.

 
As galáxias são equilibradas pela posição das estrelas e planetas em órbitas bem definidas, bem como pela interação das forças gravitacionais produzidas por suas massas e pela velocidade de seus movimentos. 

O sol e a Lua
 
Enquanto a Bíblia fala do sol e da lua como duas luzes que diferem apenas em tamanho, o Alcorão distingue entre elas pelo uso de termos diferentes: luz (noor) para a lua e lâmpada (siraaj) para o sol.
 
"Você viu como Allah criou sete céus, um acima do outro, e fez deles a lua uma luz e o sol uma lâmpada?" Alcorão, 71: 15-16
 
A lua é um corpo inerte que reflete a luz, enquanto o sol é um corpo celeste em estado de combustão permanente, produzindo luz e calor.


Ápice solar
 
Na surata Ya-sin 36:38 diz: E o sol, que segue o seu curso até um local determinado. Tal é o decreto do Onisciente, Poderosíssimo.
 
"Local determinado" " é a tradução da palavra mustaqarr, que indica um local e horário exato. A astronomia moderna confirma que o sistema solar está realmente se movendo no espaço a uma velocidade de 20 quilômetros por segundo em direção a um ponto situado na constelação de Hércules (alfa lyrae) cuja localização exata foi calculada com precisão. Os astrônomos deram até um nome, o ápice solar.


Estrelas e Planetas

 No capítulo 86:3 Allah diz: 
É a estrela fulgurante!
. A palavra Estrela em Árabe (najm)é acompanhada pelo adjetivo thaaqib, que indica que ela queima e se consome enquanto penetra nas sombras da noite. Mais tarde, descobriu-se que as estrelas são corpos celestes que produzem sua própria luz como o sol.

Para se referir aos planetas o Alcorão, usa a palavra kawkab (na versão original em árabe), que são corpos celestes que refletem a luz e não produzem sua própria luz como o sol.

Alcorão, 37:6 Por certo, Nos ornamentamos o céu mais próximo, com um ornamento: os astros

.
EMBRIOLOGIA
 
Há uma infinidade de declarações no Alcorão sobre a reprodução humana que constituem um desafio para o embriologista que busca uma explicação humana para elas.
 
A evolução do embrião dentro do útero materno é apenas brevemente descrita, mas a descrição é precisa, porque as simples palavras referentes a ele correspondem exatamente a estágios fundamentais de seu crescimento
 

Depois, criamos, da gota seminal, uma aderência; e criamos, da aderência embrião; e criamos do embrião, ossos; e revestimos os ossos de carne; em seguida, fizemo-lo surgir em criatura outra. Então, Bendito seja Allah, O Melhor dos criadores!

Alcorão 23:14

 
O embrião passa por um estágio em que algumas partes estão em proporção e outras fora de proporção com o que mais tarde se tornará o indivíduo. Este é o significado óbvio de um versículo no capítulo al-Hajj, que diz:
 
"Eu formei (seres humanos) uma entidade apegada, depois em um pedaço de carne em proporção e fora de proporção." Alcorão, 22: 5.

  





A seguir, temos uma referência à aparência dos sentidos e órgãos internos no capítulo como Sajdah:
 


"... e (Deus) te deu ouvidos, olhos e corações." Alcorão, 32: 9




Nada aqui contradiz os dados de hoje e além disso, nenhuma das idéias errôneas da época entrou no Alcorão. Ao longo da Idade Média, houve uma variedade de crenças sobre o desenvolvimento humano com base em mitos e especulações que continuaram por vários séculos.
 
Montanhas
 
O Alcorão indica que as montanhas têm raízes profundas usando a palavra estacas para descrevê-las. 
 

6.Não fizemos da terra leito?

7.E das Montanhas estacas?

Alcorão:78:6-7

 
Um livro intitulado "Terra" do geofísico Frank Press explica que as montanhas são como estacas e estão enterradas nas profundezas da superfície da terra. 
 


O fato de as montanhas terem raízes profundas como "estacas" não era conhecido até depois do desenvolvimento da teoria das placas tectônicas no início do século XX. 


O oceano
 
Allah diz:

Ou são como trevas em um mar profundo: encobrem-no ondas, por cima das quais, há outras ondas, por cima destas, há nuvens; trevas, uma por cima das outra. Quando alguém faz sair sua mão quase nao a ve. E aquele, a quem Allah não faz luz jamais terá luz.

Alcorão 24:40

 
É comum pensar que as ondas ocorrem apenas na superfície do oceano. No entanto, os oceanógrafos descobriram que existem ondas internas que ocorrem abaixo da superfície do oceano. Essas ondas são invisíveis ao olho humano e só podem ser detectadas por equipamentos especializados.
 
O Alcorão menciona a escuridão em um oceano profundo acima do qual são ondas, acima do que são ondas, depois nuvens sobre isso. Esta descrição não é apenas notável porque descreve as ondas internas no oceano, mas também porque descreve a escuridão no fundo do oceano.
 
"Ele foi Quem dilatou a terra, na qual dispôs sólidas montanhas e rios, assim como estabeleceu dois gêneros de todos os frutos. É Ele Quem faz o dia suceder à noite. Nisso há sinais para aqueles que refletem". Surata AR RA’D 13:3

Um ser humano não pode mergulhar mais de 70 metros sem equipamento de respiração. A luz está presente nessa profundidade, mas se descermos 1000 metros, estará completamente escura


Botânica 

O progresso da botânica na época de Muhammad (saw) não foi avançado o suficiente em nenhum país para os cientistas saberem que as plantas têm partes masculinas e femininas. No entanto, podemos ler o seguinte no capítulo Taa Haa:  

"Foi Ele Quem vos destinou a terra por leito, traçou-vos caminhos por ela, e envia água do céu, com a qual faz germinar distintos pares de plantas.." Alcorão, 20:53  

Hoje sabemos que os frutos provêm de plantas com características sexuais, mesmo quando provêm de flores não fertilizadas, como as bananas. No capítulo ar-Ra‘d, lemos o seguinte:  

"Ele foi Quem dilatou a terra, na qual dispôs sólidas montanhas e rios, assim como estabeleceu dois gêneros de todos os frutos. É Ele Quem faz o dia suceder à noite. Nisso há sinais para aqueles que refletem". Surata AR RA’D 13:3

 
Esses são apenas algumas de muitos fatos científicos encontrados no alcorão.


Segue os Sites de referência abaixo para encontrar artigos incríveis sobre outros fatos científicos que estão no Alcorão Sagrado. 




Links de referências para esta postagem

http://www.miracles-of-quran.com/ (Milagres do Alcorão )
whyislam.org

Comentários

Postagens mais visitadas

Criação de Site/Blog

Criação de Site/Blog
Curso para Empreendedores